Artigo

Técnicas de transposição/lateralização do nervo alveolar inferior – uma revisão da literatura sobre o déficit neurossensorial e a taxa de sucesso dos implantes dentários

Objetivo: comparar as técnicas de lateralização (LNAI) e transposição do nervo alveolar inferior (TNAI) com a taxa de disfunção neurossensorial, bem como a taxa de sucesso dos implantes dentários. Material e métodos: uma pesquisa foi realizada no período de 1987 a 2016, no banco de dados Medline/PubMed, com as palavras-chave “implantes dentários”, “nervo alveolar inferior”, “lateralização”, “transposição”, “neurossensorial” e “taxa de sucesso”. Foram incluídos artigos retrospectivos e prospectivos em seres humanos, e que apresentassem relatos de disfunção neurossensorial e taxa de sucesso dos implantes dentários na região posterior da mandíbula, após procedimentos de lateralização ou transposição do nervo alveolar. Resultados: dos 142 artigos encontrados na primeira fase de seleção, apenas 26 foram incluídos na técnica LNAI, com um total de 524 procedimentos, sendo 228 na técnica de TNAI e 296 na LNAI, que foram incluídos neste estudo. O número de implantes instalados pela técnica de TNAI foi de 625, e pela técnica de LNAI foi de 401. As técnicas de TNAI apresentaram um índice inicial maior de disfunção neurossensorial, quando comparadas à técnica de LNAI. A taxa de sucesso dos implantes para a té cnica de TNAI ficou entre 80% e 100%, e para a té cnica de LNAI fi cou entre 90,5% e 100%. Conclusão: a LNAI vem sendo uma boa indicação para a reabilitação de mandíbulas atróficas verticalmente, e sua execução com o piezo diminui o risco de distúrbio sensorial. As altas taxas de sucesso dos implantes podem ser atribuídas à possibilidade da instalação de implantes longos com ancoragem bicortical, favorecendo a estabilidade primária e a biomecânica.

Autores: Gabriel Cardoso Ramalho, Liliane Menezes dos Santos, Marco Antonio Sanches, Caio Vinícius Gonçalves, Roman Torres, Wilson Roberto Sendyk e Angélica Castro Pimentel
Revista: Revista ImplantNewsPerio 2017 | v2n6

Publicidade

Bioactive